fbpx
Carro elétrico: você ainda vai ter um

Carro elétrico: você ainda vai ter um

carro elétrico ainda não conta com ampla adesão, entretanto, ele é uma grande tendência para substituir definitivamente os veículos movidos à combustão em um futuro próximo.

Com a escassez das reservas de petróleo pelo mundo, o encarecimento dos combustíveis fósseis e as políticas para a redução de poluentes na atmosfera, estima-se que o carro elétrico deve começar a superar aqueles movidos à gasolina e diesel nos próximos 10 anos.

Diversos países já demonstraram o desejo político de eliminar a comercialização de carros com motores a combustão. Na Alemanha, por exemplo, existe o apelo por proibir esses veículos a partir de 2030. Reino Unido e França pensam em 2040, e a Noruega, mais otimista, estipulou a meta para 2025.

A seguir, saiba mais sobre as projeções de uso do carro elétrico.

A POPULARIZAÇÃO DO CARRO ELÉTRICO

Atualmente, as principais barreiras desses carros são os preços altos e a carência de uma infraestrutura para o abastecimento dos veículos. Dessa forma, os carros elétricos ainda são mais indicados para uso exclusivamente urbano. Se nas grandes capitais já são raros os pontos de recarga, nas estradas eles são quase nulos.

No entanto, com a popularização desses veículos e o aumento de demanda, a infraestrutura tende a crescer em sinergia. Existem várias opções para que o mercado de veículos elétricos possa expandir, inclusive no Brasil.

O país já conta com políticas de incentivo, oferecendo isenção do imposto de importação para veículos com motor elétrico, desde que apresente autonomia mínima de 80 km.

OS MODELOS DE CARROS ELÉTRICOS DISPONÍVEIS

Disponível no mercado, o BMW i3 é um exemplo de veículo totalmente movido à energia limpa. No entanto, a maioria dos modelos ainda combinam eletricidade e motor a combustão, conhecidos como híbridos. É o caso do Toyota Prius, Ford Fusion Hybrid, Mitsubishi Outlander PHEV, Lexus CT200h e o BMW i8.

A BMW pretende lançar dois novos carros elétricos até 2020, a Mercedes-Benz planeja ter quatro EVs em 2018, a Ford lançará seu primeiro carro construído para ser totalmente elétrico a partir de 2020, o Nissan Leaf está sendo lançado neste ano e o Chevy Bolt já está nas estradas.

Já o Modelo 3 da Tesla deverá ser o carro elétrico que deve mudar tudo: com design atrativo, de alta tecnologia e com um preço acessível. A versão básica pode rodar 345 km sem precisar recarregar a bateria. No entanto, a espera para dirigir esse veículo será longa. As primeiras unidades começaram a ser entregues neste ano, e mais 500 mil pessoas estão na fila de pré-venda.

HITECH ELECTRIC

Com sede em Pinhais, localizada na Região Metropolitana de Curitiba, a Hitech Eletric começou a disponibilizar no mercado brasileiro dois modelos de automóveis elétricos, o e.coTech2 e o e.coTech4, desenvolvidos pelo grupo Aoxin New Energy, uma estatal que é a principal fornecedora de caminhões da China.

O que mais chama a atenção neles é o design exótico, bem diferente do modelo tradicional de veículos como conhecemos, que tem tido uma boa aceitação dos clientes, principalmente por empresas, graças à possibilidade de personalização em termo também de cores e plotagem de logotipos.

Os modelos da Hitech têm autonomia de 120 km rodando com média de 35 km/h. A velocidade máxima é entre 50 e 60 km/h. Os carros se diferenciam por levar dois ou quatro passageiros, contando com duas ou quatro portas, e contam com dois tipos de baterias, a de gel com vida útil de 74 mil km e a de íons de lítio com 180 mil km. A recarga da bateria em gel leva cerca de 6 horas, enquanto a da de íons ocorre em apenas 30 minutos.

Em breve, a Hitech também disponibilizará o modelo e-go, que será capaz de rodar 350 km e atingir 140 km/h.

E você, já pensou em economizar ao adotar veículos elétricos? Entre em contato conosco e faça parte de futuro!

Solicitar Orçamento

Comentários do Facebook
Fechar Menu